Terça-feira, 4 de Dezembro de 2012

Cada vez dou mais razão a Júlio César

 

Quando vejo gente de todas as ideologias e com as mais patenteadas incompetências comentar no tempo precioso e caríssimo da TV aquilo que não sabem e de que nada entendem pelo simples facto de só terem menos dinheiro nos seus fundos bolsos, ao contrário do que estavam habituados, e de saberem ler, embora muitas vezes sem entenderem o que lêm, e ouvir terceiros, falando, falando, falando e nada de concreto dizendo – apenas que devemos ignorar as promessas a que voluntariamente nos obrigámos, um pouco ao exemplo do que terá feito o fundador da Pátria lusitana que, pelos vistos e segundo reza a história, se terá estado marimbando (como agora tantos!) para o valor da palavra dada;

- quando verifico que a salvação da economia nacional está nas sucessivas greves que se vão fazendo, um pouco por todos os sectores – alguns bem responsáveis – do mundo laboral;

- quando vejo que os políticos que escolhemos nada definem e bem pouco fazem para nos livrarem da tremenda confusão em que estamos metidos;

- quando verifico com quão serena e convicta noção - quando não certeza - da mais completa impunidade vejo sentados nos semi-círculos da nossa Assembleia, tranquilamente passeando por Paris ou assinando cartas que, se relidas antes de assinadas por quem as promoveu lhes permitiriam verem-se ao espelho, e

- que alguns daqueles que das ignorantes turbas ser vão alimentando e para fazerem prevalecer as suas extremistas e utópicas posições necessitam do auxílio de estrangeiros que, por definição nada deveriam nem devem ter a ver connosco;

- quando vejo tudo isto e a tudo isto assisto mais acredito e admiro as proféticas palavras de Caius Julius Cesar, proferidas no Senado no ano 47 AC, e que tantas vezes aqui venho recordando e repetindo:

- HÁ LÁ NOS CONFINS DA IBÉRIA UM POVO QUE SE NÃO GOVERNA NEM SE DEIXA GOVERNAR!

publicado por Júlio Moreno às 22:48
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Mais uma vez mão amiga me...

. Um tristíssimo exemplo de...

. A greve como arma polític...

. A crise, o Congresso do P...

. O PRESIDENTE CAVACO SILVA

. Democracia à portuguesa

. ANTÓNIO JOSÉ SEGURO

. Cheguei a uma conclusão

. A grande contradição

. O jornalismo e a notícia ...

.arquivos

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.favorito

. Passos Coelho: A mentira ...

. Oásis

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds