Domingo, 17 de Fevereiro de 2013

No facebook e à questão que lá me era posta...

 

No facebook e à questão que lá me era posta de “how do you feel today?”, respondi “alone...” e por tal facto já fui questionado por alguém que está longe, muito longe do local onde me encontro fisicamente mas não em espírito...

 

E é na verdade assim mesmo: - rodeado de gente que julgo com obrigações especiais sinto-me isolado não só em pensamento como também fisicamente pois só estas paredes me rodeiam quando não sou visitado por uma senhora que, encarregada apenas de cuidar da limpeza e higiene desta minha pequena casa, muito se tem excedido no cumprimento dessa sua obrigação e de tal modo que, não obstante lhe venha pagando os serviços acordados, de muito mais me sinto dela devedor pelo que já lhe devo, a ela e ao seu marido, em dedicação e cuidados de que tenho sido alvo nunca se tendo furtado a um pedido de última hora, muitas vezes não urgente, mas que pelo telefone daqui lhes faça. Assim e aproveitando a ocasião que ora se apresenta mais uma vez um muito obrigado à D. Laurinda, ao Sr. João e já agora aos filhos do casal, meus netos adoptivos, o Helder, mais velho, e à Sofia, futura e promissora licenciada com bolsa de estudo.

 

Não teria, portanto, razões para me sentir só mas a verdade é que sinto, afastado talvez das pessoas que o ADN por definição deveria juntar ou daquelas que, por razões especiais e óbvias, tanta falta nos fazem.

 

Desculpem-me, portanto, a pouca companhia que hoje vos farei mas a verdade é que me sinto com direito a sentir como me sinto: - só!

publicado por Júlio Moreno às 19:40
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Júlio Moreno a 18 de Fevereiro de 2013 às 15:59
Agradeço a todos que me apoiaram e ajudaram a ultrapassar esta estranha e desacostumada nostalgia. A todos o meu obrigado.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Mais uma vez mão amiga me...

. Um tristíssimo exemplo de...

. A greve como arma polític...

. A crise, o Congresso do P...

. O PRESIDENTE CAVACO SILVA

. Democracia à portuguesa

. ANTÓNIO JOSÉ SEGURO

. Cheguei a uma conclusão

. A grande contradição

. O jornalismo e a notícia ...

.arquivos

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.favorito

. Passos Coelho: A mentira ...

. Oásis

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds