Domingo, 16 de Julho de 2006

"Sócrates e Cavaco em colisão no TGV"

Publicava-se no PD da IOL de hoje o artigo do Diário de Notícias que referia - "Sócrates e Cavaco em colisão no TGV - Primeiro-ministro diz que suspender o projecto "seria um erro que o país pagaria caro". Terá sido esta - diz o articulista - "a resposta às reservas manifestadas pelo Presidente da República que apelou à realização prévia de «análises custos-benefícios muito profundas»

Ora, o senhor "primeiro-e-único-ministro" deve explicitar claramente por que afirma que seria tão grave erro suspender o projecto do TGV para uma mais profunda análise do "custo-benefício", tal como o recomenda o Presidente da República.

Em minha opinião, neste como em outros temas, co-incineração, por exemplo, o engenheiro Sócrates manifesta uma completa arrogância e falta de respeito pelos portugueses que, embora tendo votado em si em maioria, (que escolha tinham mais?), cada dia em maior número, deixarão de o apoiar.

Precisamos de melhor nível de vida, de mais emprego e de maior tranquilidade na velhice. Dispensamos TGVs que, poupando escassa meia hora em longos percursos, gasta o que não temos, potenciará gravíssimos acidentes e será utilizado por meia dúzia de abonados que poderão pagar o elevadíssimo custo dos bilhetes como se de uma viagem à lua se tratasse! Uma completa loucura em termos de conjuntura sócio-económica actual e tendo, apenas, como determinante a sua teimosia, que todos sobejamente lhe conhecem, além de muito prováveis negociatas mais ou menos camufladas a que a política, de um modo geral, nos vem habituando.

Para já e com a sua remodelação tecnológica assistimos, estupefactos, à absurda tentativa de construir uma casa começando pelo telhado!

Não se esqueça senhor engenheiro de que governar um país não é fazê-lo só para alguns e motivo de gozo pessoal. Governar um país é, acima de tudo, sacrifício, dedicação e competência o que o senhor de todo ainda não conseguiu demonstrar falando e gesticulando muito mas muito pouco dizendo. Atente na carta aberta e hoje pública que lhe envia o Prof. Dr, Santana Castilho já que, ao que parece o senhor teima em ignorar as duas, reservadas, que a antecederam! Por que não responde, senhor engenheiro? Por que razão não explica a omissão do estado em pagar à CGA os 23,75% que impendem sobre os vencimentos dos funcionários públicos? Por que não explicita a dualidade de critérios que parece existir quando ao Edifício Coutinho de Viana do Castelo e a torre existente na Covilhã? Por que não modificou o quadro legal que permite aos bancos, que duplicaram lucros em época recessiva, pagar apenas 13 por cento de impostos?

Felizmente que hoje tem, acima de si, quem, com maior legitimidade do que a sua, lhe poderá e saberá fazer frente se necessário. O Povo saberá esperar para ver mas olhe que, se calhar, já não estará disposto a esperar muito!.

publicado por Júlio Moreno às 11:20
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Mais uma vez mão amiga me...

. Um tristíssimo exemplo de...

. A greve como arma polític...

. A crise, o Congresso do P...

. O PRESIDENTE CAVACO SILVA

. Democracia à portuguesa

. ANTÓNIO JOSÉ SEGURO

. Cheguei a uma conclusão

. A grande contradição

. O jornalismo e a notícia ...

.arquivos

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.favorito

. Passos Coelho: A mentira ...

. Oásis

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds