Segunda-feira, 7 de Fevereiro de 2011

O meu primo Vasco...

Mais velho do que eu catorze anos, ele não sabia mas era o meu herói.

Era médico e, sobretudo, era do “contra”, “status quo” muito em voga por esse tempo quando, de quando em vez, me mandava as suas farpas quando passei pela GNR.

Casado com uma ilustríssima ribatejana, de seu nome Maria Manuel mas a quem todos tratávamos por Mané, de quem teve quatro filhos e que tantas saudades nos deixou a todos quando, sem que nada o fizesse prever e escassos dias após a partida do marido, ela mesma se finou, com ele se passou um episódio curioso e bem definidor do seu carácter e que acho oportuno recordar aqui e, talvez – quem sabe? - relembrá-lo aos seus filhos

Na qualidade de representante de seu sogro, o ex-Ministro da Justiça de Salazar, Manuel Rodrigues, ilustre mestre de direito, compareceu meu primo a um jantar promovido em sua honra.

A dada altura e por ocasião dos brindes, um dos presentes, ilustre conviva e membro do governo de então, levantando-se, propôs um brinde à saúde do velho professor coimbrão que tanto teimou em presidir aos destinos do País. Toda a mesa se levantou de taça na mão excepto esse meu primo que, de pé e sem taça, e para espanto generalizado, quando interrogado sobre se ouvira em honra de quem era proposto o brinde, respondeu serenamente que sim, que ouvira, mas que não costumava beber em honra de quem não perfilhava as opiniões políticas e que muito estranhava que aquele jantar, promovido em honra de seu sogro, houvesse sofrido uma tão grande transformação pois, se o soubera antes, não teria acedido ao convite que lhe fora feito…

Não será muito difícil de imaginar o sepulcral silencio que se seguiu a tais palavras, ignorando eu se o proposto e pretendido brinde terá mesmo chegado a verificar-se. O que sei é que, semanas depois, esse meu primo recebia um convite formal para integrar a equipa governamental como Secretário de Estado da Saúde, convite esse que, como desde logo se previa, agradecidamente recusou.

Era assim o meu primo Vasco Riobom, formado em letras e em medicina, a de quem bem me recordo de ver, na sua casa da Foz do Douro, estudante ainda, tentando arrancar algum som melodioso de um enorme violoncelo que não havia forma de ceder aos seus caprichos musicais!

Um abraço, Vasco, que em breve eu me irei a ver-te…

publicado por Júlio Moreno às 20:07
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Mais uma vez mão amiga me...

. Um tristíssimo exemplo de...

. A greve como arma polític...

. A crise, o Congresso do P...

. O PRESIDENTE CAVACO SILVA

. Democracia à portuguesa

. ANTÓNIO JOSÉ SEGURO

. Cheguei a uma conclusão

. A grande contradição

. O jornalismo e a notícia ...

.arquivos

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.favorito

. Passos Coelho: A mentira ...

. Oásis

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds