Domingo, 20 de Fevereiro de 2011

O Marechal Carmona

       Marechal Óscar Carmona,

  Presidente da República de Portugal

 

Contavam meus Pais - embora eu, de tal, conserve apenas uma muito vaga reminiscência onde avulta um grande bigode branco, e que remontará aos meus 4 ou 5 anos - que o Marechal Carmona costumava, por vezes, passar em Vidago parte das suas férias de Verão, no Hotel do Palace, já que sua mulher, como se sabe, era de Chaves, sendo aí requerida habitualmente a presença dos meus Pais pelo que, gostando, talvez, de me aturar, frequentemente, ele, provavelmente por lhe recordar os netos, me pegava ao colo e comigo passeava pela vasta varanda de entrada no Hotel e onde eram instaladas algumas mesas sob imensos guarda-sóis.

Pois bem. Terá sido numa dessas ocasiões que o campo de golfe de Vidago, só com 9 buracos, foi inaugurado e, como seria de esperar, foi o Presidente o convidado de honra para o inaugurar.

Assim, no “tiger-tee” do primeiro buraco, em posição, foi-lhe colocada a respectiva bola, nova e a brilhar, e, depois de ensinados os necessários e preliminares movimentos da tacada ao Presidente, que nunca jogara, este, procurando seguir as instruções que o “master” lhe dera, feito o “swing” a preceito e com a indubitável intenção de dar na bola, mais não conseguiu do que assustá-la, fazendo com que esta só caísse do “tee” e rolasse um escasso palmo na direcção que mais lhe terá apetecido.

Imediatamente o “master” Goad, o professor contratado pela Vidago, Melgaço e Pedras Salgadas, proprietária do campo, pedindo licença, tirou o seu casaco, e, com o ferro apropriado, do exacto local onde a bola se encontrava, bateu uma tal pancada que a colocou no “green” e a cerca de meio metro da bandeira, com o que foi calorosamente ovacionado por todos os presentes, incluindo o próprio Presidente que se não terá coibido de acrescentar:

- Belíssimo, belíssimo, professor!…  Só que eu não sabia que era preciso tirar o casaco!...

publicado por Júlio Moreno às 18:58
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Mais uma vez mão amiga me...

. Um tristíssimo exemplo de...

. A greve como arma polític...

. A crise, o Congresso do P...

. O PRESIDENTE CAVACO SILVA

. Democracia à portuguesa

. ANTÓNIO JOSÉ SEGURO

. Cheguei a uma conclusão

. A grande contradição

. O jornalismo e a notícia ...

.arquivos

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.favorito

. Passos Coelho: A mentira ...

. Oásis

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds